Qual a melhor torcida do Brasil, interrogação


O jornal Lance.net divulgou a pesquisa realizada pelo Ibope a respeito do número de torcedores (veja aqui). Não vou comentar os percentuais apontados pelo Ibope. Também não vou relembrar os históricos e notórios erros e divergências do Ibope e de outras empresas do gênero. Nem vou defender meu ceticismo em relação a pesquisas como esta. Quero apenas ressaltar alguns aspectos relacionados aos resultados da pesquisa.

O Ibope apontou os percentuais do números de torcedores de cada equipe. Em primeiro lugar, o Flamengo, com 17,2%. Em segundo, o Corinthians com 13,4%. Depois vem o  São Paulo com 8,7%, Palmeiras 6,1%, Vasco 4,1%, e assim por diante, até chegar no Atlético/PR, com 0,6%. De acordo com o Lance, esses percentuais se referem ao total da população do Brasil com mais de 10 anos de idade. Isto é, de cada 5 pessoas no Brasil, 1 é flamenguista. Será mesmo, interrogação.

Muitos clubes provavelmente vão questionar o resultado. O Corinthians vai alegar que sua torcida hoje é maior do que a do Flamengo. Não duvido. Fluminense e Botafogo não vão admitir que suas torcidas são menores do que a do Sport e que, somadas, não chegam na torcida do Cruzeiro. Custo a acreditar. O Internacional não aceitará que sua torcida é quase que a metade da do Grêmio. Realmente, tudo isso é bastante questionável.

Uma coriosidade da pesquisa foi a suposta diminuição do número de torcedores vascaínos. De acordo com o Lance,  de 2004 para cá o número de fãs do Vasco caiu em 2,1 milhões de pessoas. O que isso significa, interrogação. Que nesses últimos 6 anos só morreram torcedores vascaínos, interrogação. Nem a Alemanha conseguiu matar tanto judeu. Ou será que nesse tempo 2 milhões de pessoas deixaram simplesmente de torcer para o Vasco ou trocaram de time, interrogação. Por pior que esteja o Vasco, é difícil acreditar.

Mas realmente importa o simples número de pessoas que se declaram torcedores de um time, interrogação. Eu acho que não. A meu ver, o que importa é saber quantas dessas pessoas são “economicamente ativas”, ou seja, quantas delas propiciam algum resultado econômico para o clube. Quantas pagam ingresso, compram jogos no pay-per-view, adquirem camisas oficiais e outros produtos licenciados, viram sócios torcedores etc. Enfim, eu penso que não basta ter a maior quantidade de torcedores. O que importa é saber tirar proveito econômico disso.

Vou citar o exemplo do Internacional e do Palmeiras. Segundo o Ibope, o Colorado tem quase um terço da torcida do Palmeiras. Contudo, o programa de sócio torcedor do Internacional tem mais de 100 mil associados, enquanto que o do time do Professor Belluzzo tem pouco mais de 1 mil.  Adianta alguma coisa ter não sei lá quantas milhões de torcedores mas não saber como lucrar com isso. É por isso que não se pode deixar que velhos amadores fiquem à frente do clube.

Portanto, acho que os clubes não devem apenas olhar para o número de torcedores e questionar o resultado porque não concorda em ter menos fãs do que o rival. Os times brasileiros devem parar para pensar como fazer dinheiro com o potencial número de pessoas que torcem para si.

Vinicius (ex)Avallone, que entrou na estatística de torcedores do Jornalismo Futebol Clube

Sobre o assunto, leia também:

A mais apaixonada do Brasil

Globoesporte.com: “Líder no Brasil, Fla teria média de público discreta nas principais ligas da Europa”

Anúncios
Explore posts in the same categories: Uncategorized

Tags: ,

You can comment below, or link to this permanent URL from your own site.

16 Comentários em “Qual a melhor torcida do Brasil, interrogação”

  1. Estrago Says:

    Voce estava indo muito bem até que …
    “Mas realmente importa o simples número de pessoas que se declaram torcedores de um time, interrogação. Eu acho que não. A meu ver, o que importa é saber quantas dessas pessoas são “economicamente ativas”, ou seja, quantas delas propiciam algum resultado econômico para o clube. Quantas pagam ingresso, compram jogos no pay-per-view, adquirem camisas oficiais e outros produtos licenciados, viram sócios torcedores etc. Enfim, eu penso que não basta ter a maior quantidade de torcedores. O que importa é saber tirar proveito econômico disso.”
    Isso é o desejavel, mas o importante é ter o simpatizante, o torcedor. Sorry

    Estrago. O que vale para um time ter um simpatizante? Por exemplo, aquela senhora que fala que não gosta de futebol, mas que tem simpatia pelo Corinthians por causa do filho. Provavelmente ele é contabilizada na pesquisa. Mas no que efetivamente essa senhora ajuda o Corinthians? A meu ver em nada.

  2. Estrago Says:

    E reverteu no final: “Os times brasileiros devem parar para pensar como fazer dinheiro com o potencial número de pessoas que torcem para si.”

  3. Valdivino, el Mago. Says:

    Eu nunca respondi a esta pesquisa e não conheço ninguem tbm que respondeu.

  4. Desdemona Says:

    Qual a melhor torcida do Brasil, interrogação?
    resposta: a melhor torcida do Brasil é a do Olaria. E vai dizer que não!

    Desdemona. Por que Olaria?

  5. Zeca - O Passarinho Tricolor Says:

    Quer saber de uma coisa: pra ter torcida primeiro precisa ter time bom… e ganhar títulos, aí sim, o torcedor vai ao estádio, compra camisa, torna-se sócio torcedor e daí por diante.A receita todo mundo sabe, más a maioria dos clubes não adota esse comportamento. Como diria o professor Luxemburgo “tudo é planejamento”.É o não é Tomé.

    • Eder Says:

      Concordo contigo Zeca

    • El Loco, pra contrariar Says:

      não existe esta de melhor torcida, o que precisa ter é pessoas que se simpatizam pelo clube. O fato de ir ou não ir ao estádio depende de uma série de fatores, não só qdo o clube está indo bem no campeonato, mas as condições para ir ao estádio, pois nos dias hoje não são nada convidativas. Aí vem os finalmente, como disse o Zeca, ‘tudo é planejamento’, o resto é conversa mole.

    • Zhu Sha Zang Says:

      Quando o SPFC faliu (duas vezes) continuou tendo torcedores, idiotas ou não (ainda que não conheça não-idiotas). Esse papo de time bom, títulos, não tem nada a ver com torcida. Se não todo mundo ia ser bambi. Tem mais a ver com simpatia, ideologia, estilo de vida, ou simplesmente acaso. Vem do começo da vida. Por que você começou a ser bambi?

  6. Vicenzo Bianchi Says:

    Pesquisa do IBOPE é igual aos torcedores “enlatados” de vôlei, os (as) famosos (as) tietes. O Ginásio sempre lotado, muito barulho, todos uniformizados como tal, mas eu nunca conheci um destes torcedores.
    Dizem por aí que são robôs japoneses.

    Vicenzo. Não são robôs. A verdade é que essas pessoas ganham uma camiseta e um lanche. Parece jogo do campeonato carioca. Vinicius

  7. Rodolfo Almeida Says:

    Concordo com o texto do Vinicius. Clube precisa de torcedores com potencial financeiro sim.

  8. El Loco, pra contrariar Says:

    o Vinicius só fala bobagem, o Palmeiras tem um quadro de sócios grande, maior que os “bambi”, maior que os “gambá” e tantos outros por aí. Outra coisa, o quadro associativo não tem relação nenhuma com o time de futebol, pq as receitas são distintas. O que precisa entender é que os clubes de futebol (quase 100%) são presididos por amadores, gente q fala muita besteira, gente como no ‘gambá’ q fica dizendo disso e daquilo e depois sobre uma divida enorme, pergunta para alguem se sabe do planejamento dos ‘gambá’. Não tem!!!!
    Os ‘bambi’ é o time dos ‘enrustido’ (em todos os sentidos) ninguém sabe de nada…Qdo vc fala de time organizado, infelizmente os europeus, batem a gente de 1000 a zero, veja o exemplo do barcelona, do manchester, do real madri, da internazionale, do milan e tantos outros, até os times da russia, cska batem a gente de 2000 a zero, então precisa parar de falar bobagem. Não está contente, associe-se ao seu clube, um dia se candidata a presidente e faça alguma coisa, porra. ENTÃO PARA DE SOFISMAR E VAMOS CONTINUAR A VIDA FALANDO MAL DOS SEUS CLUBES E PRONTO. Entendeu cacete. O resto é bobagem ou tô errado!!!!!!!!!!!!!

    El Loco. Pare de defender o time do Belluzzo. Sei que vc não está contente. Vinicius

    • Valdivino, el Mago. Says:

      como diz aquele merda do milton neves, o futebol é a coisa mais importante entre as coisas menos importante.

    • Tricolor ABC Says:

      Inclusive os clubes exemplares citados não tem sequer dividas né ? huh !
      Eu me assusto, mas ainda confio na diretoria !

    • Zhu Sha Zang Says:

      Verdade, os times europeus estão com altíssimas dívidas. Tanto que a UEFA está adotando medidas para evitar a falência de muitos deles. O problema que futebol virou mais “business” e menos paixão.

      Topa tudo por dinheiro.

      • Tricolor ABC Says:

        o problema é que lá os credores acreditam que os clubes irão pagar, ou sabem que eles tem como pagar mais hora menos hora (ou ano), já aqui eles sabem que os clubes esperam somente pela anistia !

    • El Loco, pra contrariar Says:

      logico q não estou contente, o time do palmeiras é bem pior daquele q caiu pra segundona…agora querer ensinar esses vagabundos administrar o clube, vc está de brincadeira Vi…mas vamos fazer o q, vamos continuando sendo palestrino…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: